Maricá/RJ,

MORREU AOS 97 ANOS, ABDIAS NASCIMENTO


Não poderíamos deixar de reverenciar a memória deste grande intelectual brasileiro e ativista do movimento negro Abdias Nascimento, que morreu aos 97 anos, na noite de 23 de maio de 2011, conforme nota veiculada pelo Ceap (Centro de Articulação de Populações Marginalizadas).
Abdias estava internado no Hospital dos Servidores, no centro do Rio, quando faleceu. Sofria de diabetes e seu corpo foi cremado no dia 25 de maio.
A luta de Abdias pela defesa dos direitos do negro começou na década de 1930. Em 1994, ele fundou o TEN (Teatro Experimental do Negro) e fundou, também, o Ipeafro (Instituto de Pesquisa e Estudos Afro-brasileiros).
Foi deputado federal, senador e secretário de Defesa e Promoção das Populações Afro-Brasileiras do Estado do Rio de Janeiro, durante a segunda gestão do governador Leonel Brizola (1991-1994). Foi repórter do Jornal Diário e fundou o Jornal Quilombo.

0 deixe seu comentário aqui:

Visitantes recentes

Comentários recentes

Notícias

  © Template 'Kilombo Cultural' by Patrícia Custódio

Back to TOP