Maricá/RJ,

Editais para fortalecimento institucional de povos de terreiro e quilombolas têm R$ 2,4 milhões em recursos



Seppir lança esta semana duas chamadas públicas para projetos de formação e fortalecimento institucional de lideranças e organizações representativas dos povos e comunidades tradicionais das matrizes africanas no Brasil (terreiros e quilombos). 
Com o objetivo de promover a ancestralidade africana no Brasil, bem como de fortalecer a capacidade técnica e operacional das representações tradicionais de matriz africana, a Secretaria de Promoção de Políticas da Igualdade Racial publica esta semana duas chamadas públicas, para projetos com valores entre R$ 60 e R$ 100 mil.
Para se candidatar, a instituição não deve ter fins lucrativos e ser cadastradas no Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse – SICONV – Portal de Convênios, entre outros critérios. Considerando a vulnerabilidade socioeconômica e institucional das organizações foco da política, a contrapartida dada pelos proponentes que tiverem suas propostas selecionadas será de apenas 2%, o que é considerado uma conquista para a política, visto que tradicionalmente esse valor é de 5%. 
A chamada pública nº001/2012, voltada para associações representativas de comunidades tradicionais de matriz africana, já está no site da Seppir. A outra deverá ser publicada ainda esta semana. 

Coordenação de Comunicação

0 deixe seu comentário aqui:

Visitantes recentes

Comentários recentes

Notícias

  © Template 'Kilombo Cultural' by Patrícia Custódio

Back to TOP